Categoria: Geral, Tecnologia

Instragram proíbe publicação de imagens de autoflagelação

Da Redação SPRIO+ • 10/02/2019 • 1 semana atrás




O Instagram anunciou que passará a ter mecanismos para restringir imagens que estimulem a autoflagelação e o suicídio. Imagens de pessoas se machucando, como atos de cortar partes de corpo, serão proibidas na rede social.

As medidas foram uma reação à morte de uma adolescente de 14 anos no Reino Unido, no mês passado. Após o suicídio, o caso gerou questionamentos sobre o papel do Instagram, pela presença no perfil da moça de conteúdos mostrando formas de autoflagelação e relacionados ao suicídio. O pai da jovem, em entrevista a veículos de mídia, responsabilizou diretamente a plataforma.

Além disso, outros conteúdos relacionados a essas práticas, inclusive textos, não serão disponibilizadas nas buscas. Essas mensagens, contudo, não serão removidas das redes sociais. O Instagram justificou que a publicação de mensagens nesse sentido pode ter um papel de expressão em pessoas que estejam convivendo com sofrimento e sentimentos como esses.

Antes, a plataforma já proibia conteúdos que promovessem essas práticas. Mas permitia mensagens relacionadas à admissão delas (como uma pessoa relatando um desejo ou uma tentativa), como forma de alertar amigos e familiares para reagir e prestar apoio.

Orientações de especialistas

Segundo o Facebook, empresa controladora do Instagram, as mudanças foram formuladas a partir do diálogo com especialistas no tema, de diferentes países. Eles teriam indicado o efeito negativo da circulação de imagens de práticas de autoflagelação, como cortes. Elas “podem ter um potencial de promover não intencionalmente a autoflagelação, mesmo quando são compartilhadas no contexto da admissão da prática ou no caminho para uma recuperação”, explicou o diretor global de Segurança do Facebook, Antigone Davis.

Ele acrescentou que a equipe das plataformas ainda avalia como tratar imagens de cicatrizes. Segundo o diretor, os especialistas consultados indicaram ainda polêmicas nos estudos acadêmicos sobre os efeitos desse tipo de imagem em pessoas suscetíveis a cometer algum ato relacionado à prática.

As duas redes sociais, completou Davis, continuarão fornecendo recursos para dar apoio em situações de sofrimento, como a disponibilização, de forma acessível., de “linhas de ajuda” a pessoas nas plataformas.

Transparência

Na avaliação da pesquisadora de proteção de dados Marina Pita, do Instituto Alana, decisões como essa mostram a importância da transparência por parte das plataformas no que se refere às remoções de conteúdos e aos critérios usados nessas medidas. A cobrança por critérios mais claros das redes sociais vêm sendo uma demanda não somente no Brasil, como em outros países.

Além disso, acrescentou Pita, há a necessidade de discutir a lógica de funcionamento dos algoritmos de curadoria dos conteúdos mostrados aos usuários. Isso porque ao identificar uma vulnerabilidade ou condição psicológica de uma pessoa, especialmente adolescentes, o sistema passa a privilegiar conteúdos relacionados. “A plataforma, a partir da visualização de um conteúdo, identifica que aquele adolescente tem interesse naquele tipo de imagem e vai reforçar isso”, alerta a pesquisadora.

Isso ocorre, completou, em casos em que muitas vezes os usuários das redes sociais não têm consciência dessa forma de funcionamento. Por isso, é importante discutir de forma transparente não somente medidas como a anunciada, mas a própria dinâmica de segmentação dos usuários e de veiculação de publicidade a partir dela, que pode ter efeitos prejudiciais sobre os internautas.

(Agência Brasil)



A matéria continua após a publicidade
Publicidade

Publicidade

Últimas noticias

Esporte

Taubaté visita Juventus visando a recuperação na Série A2

Depois de três jogos sem vitória, o Taubaté visita o Juventus da Mocca, neste domingo (17), na Rua Javari, às …

12 horas atrás
Esporte

Na estreia de Ricardo Navajas, Vôlei Taubaté vence Itapetininga

O Taubaté recebeu o Itapetininga neste sábado (16), em jogo que marcou a estreia do técnico interino Ricardo Navajas no …

12 horas atrás
Esporte

Vôlei São José perde a quarta seguida na Superliga B

O São José Vôlei recebeu o Juiz de Fora nesta tarde de sábado (16) buscando a primeira vitória na Superliga …

13 horas atrás
Cidades, Destaque, Polícia

Justiça barra evento Bloco do Pimenta em Caçapava

A Justiça barrou a realização do evento bloco do pimenta que aconteceria neste sábado em Caçapava. A decisão judicial foi …

14 horas atrás
Cidades

São José tem cerca de 80 mil animais nas ruas; número de adoções cresce

Foto: Rogério Marques/OVale
São José dos Campos tem mais de 80 mil animais abandonados nas ruas, à espera de um amigo. …

21 horas atrás
Cidades, Destaque

Quase 100% das escolas municipais funcionam sem vistoria contra incêndio na RMVale

Foto: Charles Moura/PMSJC
Em quatro das maiores cidades do Vale do Paraíba, 98% das escolas municipais de ensino fundamental não possuem …

22 horas atrás
Cidades, Economia

Carnaval vai render R$ 6,78 bilhões ao país, estima CNC

Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil
O carnaval brasileiro deve render este ano R$ 6,78 bilhões ao país. Segundo pesquisa divulgada hoje (15) pela Confederação Nacional …

1 dia atrás
Cidades

Com obra paralisada, Arco da Inovação tem audiência de conciliação marcada

Foto: Charles Moura/PMSJC
A 1ª Vara da Fazenda Pública suspendeu temporariamente a obra do Arco da Inovação, a ponte estaiada que …

1 dia atrás
Esporte

São José Vôlei recebe Juiz de Fora em busca da primeira vitória na Superliga B

Em busca da primeira vitória, o São José Vôlei recebe o Juiz de Fora neste sábado (13), em partida válida …

1 dia atrás
Cidades, Destaque

Horário de verão termina neste domingo em 10 estados e no DF

Foto: Agência Brasil
Motivo de alegria para uns e de tristeza para outros, o horário de verão termina à zero hora …

1 dia atrás