fbpx
Categoria: Destaque, Política

STF decide que Justiça Eleitoral pode julgar corrupção da Lava Jato

Da Redação SPRIO+ • 15/03/2019 • 2 meses atrás




Por 6 votos a 5, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta quinta-feira (14) a favor da competência da Justiça Eleitoral para investigar casos de corrupção quando envolverem simultaneamente caixa 2 de campanha e outros crimes comuns, como lavagem de dinheiro, que são investigados na Operação Lava Jato.

Com o fim do julgamento, os processos contra políticos investigados na Lava Jato e outras apurações que envolvam simultaneamente esses tipos de crimes deverão ser enviados da Justiça Federal, onde tramitam atualmente, para a Justiça Eleitoral, que tem estrutura menor para supervisionar a investigação, que pode terminar em condenações mais leves.

Durante dois dias de julgamento, votaram para manter as investigações na esfera federal os ministros Luís Roberto Barroso, Edson Fachin, Rosa Weber, Luiz Fux e Cármen Lúcia. Votaram pela competência da Justiça Eleitoral os ministros Marco Aurélio, Alexandre de Moraes, Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes, Celso de Mello e o presidente, Dias Toffoli.

De acordo com a maioria, nos casos envolvendo crimes comuns conexos aos eleitorais, prevalece a competência da Justiça Eleitoral. Segundo os ministros, a Corte somente reafirmou entendimento que prevalece há décadas na sua jurisprudência.

Procuradores da Lava Jato

De acordo com procuradores da força-tarefa do Ministério Púbico Federal (MPF) que participam das investigações da Lava Jato, o resultado terá efeito nas investigações e nos processos que estão em andamento nos desdobramentos da operação, que ocorrem em São Paulo e no Rio de Janeiro, além do Paraná. Cerca de 160 condenações poderão ser anuladas a partir de agora, segundo os investigadores. Para a Lava Jato, o resultado negativo poderá “acabar com as investigações”.

O julgamento também foi marcado pela reação dos ministros contra críticas dos procuradores aos integrantes do STF.

Em duas decisões, o presidente da Corte, Dias Toffoli, enviou uma representação no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) e na corregedoria do Ministério Público Federal (MPF) contra o procurador da força-tarefa Diogo Castor. Na tarde de hoje, Toffoli abriu um inquérito para apurar notícias falsas (fake news) que tenham a Corte como alvo.

O ministro Gilmar Mendes também criticou os procuradores. “Quem encoraja esse tipo de coisa? Quem é capaz de encorajar esse tipo de gente, gentalha, despreparada, não tem condições de integrar um órgão como o Ministério Público”, afirmou.

Caso

A questão foi decidida com base no inquérito que investiga o ex-prefeito do Rio de Janeiro Eduardo Paes e o deputado federal Pedro Paulo Carvalho Teixeira (DEM-RJ) pelo suposto recebimento de R$ 18 milhões da empreiteira Odebrecht para as campanhas eleitorais.

Segundo as investigações, Paes teria recebido R$ 15 milhões em doações ilegais no pleito de 2012. Em 2010, Pedro Paulo teria recebido R$ 3 milhões para campanha e mais R$ 300 mil na campanha à reeleição, em 2014.

Os ministros julgam recurso protocolado pela defesa dos acusados contra decisão individual do ministro Marco Aurélio, que enviou as investigações para a Justiça do Rio. Os advogados sustentam que o caso deve permanecer na Corte, mesmo após a decisão que limitou o foro privilegiado para as infrações penais que ocorreram em razão da função e cometidas durante o mandato.

Fonte: André Richter/Agência Brasil

Foto: Nelson Jr./SCO/STF



A matéria continua após a publicidade
Publicidade

Publicidade
Últimas noticias
Branded

Programa Mãos à Obra – (2° bloco)

No segundo bloco do programa Mãos à Obra, o comandante do Corpo de Bombeiros da Região metropolitana do Vale do …

8 minutos atrás
Esporte

Laís Nunes, do São José Wrestling, conquista medalha de bronze em torneio na Itália

Redação SPRIO+

Foto: NB PhotoPress
A lutadora do São José Wrestling, Laís Nunes, garantiu mais um pódio nesta temporada 2019. A joseense …

2 horas atrás
Cidades, Destaque

Rotatória do Colinas será bloqueada no sentido centro

Redação SPRIO+

Foto: Claudio Vieira/PMSJC
A rotatória do Colinas no sentido centro será totalmente bloqueada das 21h desta sexta-feira (24) até 1h …

2 horas atrás
Cidades

Novo deslizamento atinge a região sul de Ilhabela

OVale

Foto: Divulgação/PMI
Um novo deslizamento aconteceu na Rodovia SP 131, no bairro do Piúva, na região Sul de Ilhabela, na manhã …

2 horas atrás
Cidades

Duas empresas disputam contrato pela obra da Via Jaguari em, São José

OVale

Foto: Claudio Vieira/PMSJC
Duas empresas seguem na disputa pelo contrato da obra de construção da Via Jaguari, que irá interligar a …

2 horas atrás
Cidades

Marinha emite novo alerta de temporal para o Litoral Norte

OVale

Foto: Arquivo Pessoal
A Marinha do Brasil emitiu alerta de mau tempo com ventos fortes e mar agitado no Litoral Norte …

3 horas atrás
Agenda Cultural

Agenda Cultural – 24/05/19

[Melim, Padre Fabio de Melo, MPB4 e muito mais…]

Confira a AGENDA CULTURAL do fim de semana da região com a …

3 horas atrás
Economia

Doria anuncia crianção de seis polos industriais na RMVale

Caique Toledo/OVALE

Foto: Rogério Marques/OVALE
A RMVale está em 6 dos 11 polos de desenvolvimento econômico anunciados pelo governo do Estado, que …

8 horas atrás
Cidades, Destaque

Boeing Brasil – Commercial é o novo nome da Embraer após fusão

OVALE

Foto: Divulgação/Embraer
Boeing Brasil – Commercial é o nome escolhido para a joint venture da aviação comercial entre a fabricante brasileira …

1 dia atrás
Economia

Money School oferece palestra gratuita sobre investimentos em São José dos Campos

A Money School, braço educacional do grupo Plátano Investimentos, está realizando palestra gratuita sobre renda variável com foco em bolsa …

1 dia atrás