fbpx
Categoria: Cidades, Destaque

Sindicalistas ameaçam “parar” cidades da RMVale em protesto contra a reforma da Previdência

Da Redação SPRIO+ Publicado em 13/06/2019, às 14:48 • Atualizado em 13/06/19, às 15:12




Xandu Alves/OVALE

Sindicalista ameaçam

Foto: Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos

Trabalhadores e sindicalistas prometem “parar” as principais cidades do Vale do Paraíba nesta sexta-feira (14), data prevista para a segunda mobilização nacional contra o governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL).

A reforma da Previdência é o mote da greve geral, que também protestará contra o contingenciamento na educação e o desemprego.

Com a convocação, o CPI-1 (Comando de Policiamento do Interior) monitora os possíveis locais de manifestação no Vale. A Polícia Militar disse que irá evitar “quebra da ordem pública” (leia texto nesta página).

Na primeira paralisação nacional, no dia 15 de maio, houve protestos contra cortes na educação. Não há números confirmados sobre a adesão no Vale, mas sindicatos falam em milhares de manifestantes em cidades como São José, Taubaté, Jacareí, Pindamonhangaba e Guaratinguetá.

As empresas de ônibus informaram que pelo menos 30% da frota terão que circular para manter o serviço.

De acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos de São José, o movimento reunirá diferentes categorias, como metalúrgicos, químicos, petroleiros, servidores, operários da construção civil, condutores e professores.

Estão previstas paralisações em fábricas de São José, Jacareí, Caçapava, Igaratá, Santa Branca, Taubaté e Pinda. “A greve geral é a nossa arma para barrar a reforma da Previdência”, disse Weller Gonçalves, presidente do sindicato.

“A intenção é fazer uma mobilização local com repercussão nacional, com o maior número possível de trabalhadores”, informou o Sindicato dos Servidores de São José.

Professores do curso de engenharia Ambiental da Unesp (Universidade Estadual Paulista) e da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), em São José, confirmaram adesão.

PM monitora greve na RMVale; coronel afirma que os bloqueios serão coibidos

Coronel José Eduardo Stanelis, comandante da Polícia Militar na região, disse que o serviço de inteligência está levantando os possíveis pontos de manifestação para “planejar as ações para a greve”. Segundo ele, haverá policiamento com o Baep (Batalhões de Ações Especiais de Polícia) e com “todas as nossas forças”. “Na sua missão constitucional de evitar a quebra da ordem pública, a PM respeita o direito a greve, desde que esse direito seja exercido de forma legal”, disse Stanelis.

Segundo ele, serão coibidos bloqueios em rodovias, estradas e em entradas de fábrica, que impeçam “pessoas que não desejam participar da greve de ir ao trabalho, porque aí está cerceando o direito de ir e vir das pessoas”. “Se isso não ocorre, a PM fica observando a greve de forma preventiva, para que não ocorra furto ou brigas”.



A matéria continua após a publicidade
Publicidade

Publicidade
Últimas noticias
Cidades

Blitz prende homem e recolhe 21 CNHs em segundo dia de festival de música em São José

Foto: PMSJC
Um homem foi preso e 21 CNHs (Carteira Nacional de Habilitação) foram recolhidas em uma Blitz da Lei Seca …

2 horas atrás
Destaque, Economia

Taxa básica de juros será definida nesta semana

Foto: Marcello Casal Jr
A taxa básica de juros – a Selic – será definida na sexta reunião deste ano do …

1 hora atrás
Economia

Caixa registra 12 milhões de transações após liberação do FGTS

Foto: Arquivo
A Caixa Econômica Federal registrou 12 milhões de transações no primeiro sábado com agências bancárias abertas para o pagamento …

1 hora atrás
Cidades

Mulher morre após colisão na Carvalho Pinto

Foto: Charles de Moura/PMSJC
Uma mulher morreu após um acidente envolvendo dois carros na madrugada deste domingo (15) na Rodovia Carvalho …

1 hora atrás
Esporte

São José Basketball vence Osasco e está classificado para as quartas de final do paulista

Foto: Arthur Marega Filho
A fim de garantir a vaga para às quartas de final do Campeonato Paulista, o São José …

13 horas atrás
Cidades

Homem morre após ser atingido por tora de madeira em São José

Foto: Divulgação/Bombeiros
Um homem morreu após ser atingido por uma tora de madeira na tarde deste sábado (14) no bairro Recanto …

16 horas atrás
Cidades, Política

Caçapava está no Top10 do ranking estadual de obras paradas

Foto: Divulgação/PMC
Caçapava está na lista das cidades com as 10 obras mais caras e que se encontram no estado de …

23 horas atrás
Destaque, Economia

Vendas aumentam 12% em quatro dias na Semana do Brasil

Foto: Valter Campanato
Em quatro dias, as vendas no varejo em todo o país registram crescimento nominal de 12%, de acordo …

23 horas atrás
Cidades, Economia

Cerca de 160 mil trabalhadores da RMVale devem sacar o FGTS

Foto: Arquivo/Agência Brasil
No Vale do Paraíba, 161.687 trabalhadores devem realizar o saque do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de …

23 horas atrás
Cidades, Destaque

RMVale terá conselhos consultivos para agilizar projetos das cidades

Foto: Divulgação
A Região Metropolitana do Vale do Paraíba terá conselhos consultivos para cada uma das cinco sub-regiões que incluem todas …

23 horas atrás