fbpx
Categoria: Geral

População de animais em florestas cai pela metade desde 1970

É o que revela relatório da ONG WWF

Deutsche Welle (Agência Pública da Alemanha) Publicado em 14/08/2019, às 14:57 • Atualizado em 14/08/19, às 14:57




Foto: Fabíola Sinimbú/Agência Brasil

Desmatamento, caça ilegal, doenças, mudança climática. Para os animais silvestres que vivem nas florestas do mundo, as últimas décadas representaram uma hecatombe. Segundo um relatório divulgado pela Organização Não Governamental (ONG) ambiental World Wide Fund for Nature (WWF), a população desses animais diminuiu pela metade desde 1970.

O estudo analisou 455 populações de 268 espécies de mamíferos, répteis, anfíbios e pássaros que vivem em florestas e concluiu que houve um declínio de 53% na quantidade de animais vertebrados entre 1970 e 2014. A WWF aponta que a situação é particularmente crítica na Amazônia e em outras florestas tropicais. O estudo também analisou populações de florestas temperadas, boreais e mediterrâneas.

Segundo a ONG, 60% dessas perdas estão relacionadas ao desmatamento e à degradação drástica do habitat das populações de animais. O texto ainda aponta que a caça, a introdução de espécies invasoras, a disseminação de doenças e a mudança climática também contribuíram para o quadro.

No caso do Brasil, a WWF menciona a derrubada de árvores por madeireiros como principal causa da diminuição da população de animais, mas queimadas também tiveram efeitos duradouros sobre várias espécies.

Florestas temperadas

Em florestas tropicais como a Amazônia, em média, a perda de população das espécies estudadas superou o crescimento de todos os grupos somados. Já nas florestas temperadas, o crescimento da população de algumas espécies, especialmente pássaros, ajudou a reverter a tendência negativa na média de todas as populações.

Ainda de acordo com a WWF, a diminuição da população tem sido especialmente dura com anfíbios e répteis, enquanto as populações de pássaros registraram mais anos positivos de crescimento do que de declínio. 

A análise também menciona exemplos de como a população de algumas espécies pode ser recuperada. Entre os casos mais otimistas mencionados pela WWF está o aumento das populações de gorilas na África Central e Oriental, graças a medidas de proteção, e de macacos na Costa Rica.

No caso da Costa Rica, a WWF chama de positiva a tendência de aumento na proteção e regeneração da floresta tropical. No entanto, a ONG adverte que enquanto as florestas têm capacidade para recuperar mais rapidamente a sua cobertura vegetal, as populações de vertebrados que habitam essas matas podem precisar de muitas décadas para se recuperar totalmente.

Por fim, a WWF lembra que as florestas são essenciais para que metas globais de conservação da biodiversidade sejam atingidas e para combater as mudanças climáticas e promover o desenvolvimento sustentável.

“As florestas são importantes depósitos de carbono, e as florestas tropicais são alguns dos habitats com maior biodiversidade do mundo, contendo mais da metade das espécies terrestres do mundo. As florestas também fornecem outros serviços ecossistêmicos vitais, incluindo alimentos, medicamentos, materiais, purificação de água, controle de erosão e reciclagem de nutrientes. E mais de um bilhão de pessoas dependem das florestas para sua subsistência”, conclui o estudo.



A matéria continua após a publicidade
Publicidade

Publicidade
Últimas noticias
Cidades

Caravanas de Natal passam pela zona leste de São José nesta segunda

Foto: PMSJC
As Caravanas de Natal do projeto “Natal Iluminado” vão passar pela zona leste de São José dos Campos nesta …

2 horas atrás
Economia

Vendas sobem 9,9% na semana da Black Friday, aponta Serasa

Foto: Rogério Marques/OVale
As vendas do comércio de rua e shopping centers cresceram 9,9% entre os dias 29 de novembro a …

3 horas atrás
Cidades

Pescador de 65 anos é resgatado após passar três horas no mar em Ilhabela

Foto: Reprodução/Bombeiros

Um pescador de 65 anos foi resgatado por bombeiros na noite deste domingo (9) após ser levado por uma …

3 horas atrás
Cidades

Preço da cesta básica sobe 8,7% no Litoral Norte

O preço da cesta básica alimentar no Litoral Norte subiu 8,70% em novembro na comparação com outubro, segundo pesquisa do …

3 horas atrás
Economia

Receita abre consulta ao 7º lote de restituição do Imposto de Renda

Fonte: Marcello Casal Jr/Agência Brasil
O sétimo lote de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física (IRPF) 2019 estará disponível …

4 horas atrás
Esporte

Por doping, Rússia é banida dos Jogos de Tóquio-2020

Foto: Divulgação
A longa novela envolvendo os casos de doping e manipulação de dados laboratórias no esporte russo teve um assertivo …

4 horas atrás
Cidades

Ortiz vai ao TJ contra emendas em lei do Conselho de Transportes

Foto: Rogério Marques/Arquivo OVale
O governo Ortiz Junior (PSDB) ajuizou uma Adin (Ação Direta de Inconstitucionalidade) no Tribunal de Justiça para …

5 horas atrás
Esporte

TJ julga dia 17 recursos sobre repasses do Fadenp a equipes de São José

Foto: Divulgação/São José Vôlei
O Tribunal de Justiça agendou para o próximo dia 17 o julgamento do mérito dos recursos movidos …

5 horas atrás
Cidades, Destaque

São José dos Campos prevê 12 VLPs a R$ 35 milhões e projeta funcionamento em 2021

Foto: Divulgação
Lançada no último sábado (7) pela Prefeitura de São José dos Campos o edital de licitação para compra de …

5 horas atrás
Economia

Bolsonaro pede revogação de medida que excluiu atividades de MEI

Foto: Antônio Cruz/Agência Brasil
O presidente Jair Bolsonaro informou neste sábado (7), em mensagem no Twitter, que determinou o envio ao …

1 dia atrás