fbpx
Categoria: Política

Senado terá semana de negociações para votar reforma da Previdência

A expectativa é de um trâmite mais rápido

Marcelo Brandão/Agência Brasil Publicado em 9/09/2019, às 11:46 • Atualizado em 9/09/19, às 11:48




Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Depois de mais de dois anos de articulações, a reforma da Previdência, finalmente foi analisada e aprovada pelo plenário da Câmara dos Deputados e ganha fôlego no Senado, onde, com um número menor de parlamentares (81 contra 513 na Câmara), a expectativa é de um trâmite mais rápido.

O texto aprovado pelos deputados passou pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado e uma votação, na próxima semana, tem o apoio do presidente da Casa, Davi Alcolumbre. Ele espera firmar os acordos necessários com as lideranças partidárias e de bancadas para acelerar os prazos.

Pelo regimento, o texto precisa passar por cinco sessões de discussão no plenário antes de ser votada em primeiro turno. Mas um acordo entre líderes da base, do centro e da oposição poderia reduzir esse prazo.

“Estamos em processo de diálogo. Eu falei, desde a primeira vez que me perguntaram, que eu ia tentar construir um acordo, falar com os líderes. Então estou tentando convencê-los a votar na semana que vem”, disse Alcolumbre na última quinta-feira (5).

O acordo de líderes a ser tentado por Alcolumbre precisa ter a anuência também da oposição. E, segundo o líder da oposição no Senado, Randolfe Rodrigues (REDE-AP), o acordo para abreviar a votação não será fechado.

“Não aceitamos atalhos em um tema tão sensível aos direitos do povo, em retirar direitos do povo. Não tem acordo com os líderes da oposição para abreviar ritos de procedimentos. Para nós, a proposta de emenda constitucional vai ser votada no tempo que tiver que ser votada, cumprindo todos os prazos regimentais”, disse Randolfe.

Caso o acordo não seja possível, o prazo de cinco sessões de discussão antes da votação deverá ser cumprido. Em todo caso, a votação em segundo turno está marcada para 10 de outubro. O presidente do Senado está otimista quanto à aprovação no próximo mês. “Nosso prazo é ainda o que estabelecemos no acordo, que é de votar em 10 de outubro a PEC número 6 e marcarmos uma sessão para promulgarmos”, disse Alcolumbre.

Para esta terça-feira (10), está marcada uma sessão temática para discutir a Previdência. A sessão será realizada no plenário da Casa do Senado e está prevista a participação secretário especial de Previdência, Rogério Marinho, e do ex-ministro da Previdência Social, Ricardo Berzoini.

PEC Paralela

Durante votação do relatório da reforma, produzido por Tasso Jereissati (PSDB-CE), foram votadas oito sugestões de emendas, apenas uma foi aprovada. A emenda de autoria do senador Eduardo Braga (MDB-AM) estipula que pensionistas não podem receber valor inferior a um salário-mínimo.

As demais emendas foram rejeitadas. Elas previam queda de receita para a União, conforme argumentou o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra (MDB-PE). No intuito de atender demandas consideradas meritórias, Jereissati propôs a criação de uma nova proposta de emenda à Constituição, uma espécie de emenda paralela, que traz pontos não incluídos na PEC original. A ideia é, principalmente, não fazer mudanças que obrigassem a proposta original a voltar para a Câmara.

O carro-chefe da PEC paralela é a possibilidade de incluir servidores estaduais e municipais na reforma da previdência. Mas ela também traz outras questões, como o fim das renúncias fiscais para entidades filantrópicas e regras mais brandas de aposentadoria para policiais, bombeiros, agentes prisionais, guardas municipais e outras carreiras ligadas à segurança pública.



A matéria continua após a publicidade
Publicidade

Publicidade
Últimas noticias
Cidades, Destaque

Governo do Estado avalia investimento para obra da Linha Verde em São José

Foto: PMSJC
O governo do Estado vai avaliar um pedido de Felicio Ramuth (PSDB) por um aporte de R$ 30 milhões …

3 horas atrás
Cidades, Economia

RMVale terá só 31% do orçamento previsto pela Agemvale para 2019

Foto: Divulgação
Ao final deste ano, o orçamento da Região Metropolitana do Vale do Paraíba será 31% do total pedido para …

2 horas atrás
Economia

Petrobras diz que não há previsão para reajuste de preços

Fonte: Divulgação
A Petrobras informou, por meio de nota, que está monitorando o mercado internacional de petróleo, em função dos ataques …

2 horas atrás
Cidades

Jacareí cria nova força-tarefa para área de Segurança

Foto: Cristina Reis/PMJ
O prefeito de Jacareí, Izaias Santana (PSDB), oficializou em decreto a criação de uma força-tarefa para atuar a …

29 minutos atrás
Esporte

Pela Liga Paulista, São José Futsal é superado pelo Sorocaba

Foto: Fernanda Pasqualetto
A fim de conquistar mais uma vitória na Liga Paulista, o São José Futsal recebeu o Sorocaba, na …

8 horas atrás
Economia

Paulo Skaf participará de evento com empresários do Vale do Paraíba

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil
O encontro ‘Diálogos pelo Brasil’ terá a participação do presidente da FIESP e do CIESP, Paulo Skaf, …

15 horas atrás
Esporte, São Paulo

Prefeitura de SP assina contrato para manutenção do Pacaembu

Foto: Divulgação
A Prefeitura de São Paulo assinou hoje (16) o contrato de concessão com o Complexo Pacaembu e o Consórcio …

16 horas atrás
Economia

Saques do FGTS: Caixa dá dicas para evitar golpes contra o trabalhador

Foto: José Cruz/Agência Brasil
A Caixa Econômica Federal registrou mais 12 milhões de transações nesses primeiros dias de saques de recursos …

18 horas atrás
Esporte

A fim de embalar na Liga Paulista, São José Futsal enfrenta o Sorocaba

Foto: Brenno Domingues
Após vencer o Dracena por 3 a 2 na quinta-feira (12), o São José Futsal enfrenta o Sorocaba, …

19 horas atrás
Cidades, Política, Tecnologia

Frota de carros elétricos rende a prefeitura de São José prêmio de inovação

Foto: Charles Moura/ PMSJC
A Prefeitura de São José dos Campos ganhou, neste domingo (15), o Prêmio Empresa Inovadora Destaque 2019. …

19 horas atrás