fbpx
Categoria: Economia, Saúde

Número de beneficiários de planos de saúde cai 0,3% em 12 meses

No segmento odontológico, tendência é de crescimento, diz especialista

Alana Gandra - Repórter da Agência Brasil Publicado em 10/09/2019, às 9:29 • Atualizado em 10/09/19, às 11:07




Número de beneficiários de planos de saúde cai 0,3% em 12 meses

Fonte: Agência Brasil

Uma pesquisa divulgada nesta segunda-feira (9), pelo Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS) revelou que o número de beneficiários de planos de saúde caiu 0,3% – o equivalente à perda de 133,3 mil vínculos – entre julho deste ano e igual mês do ano passado, somando um total de 46,99 milhões de pessoas. De acordo com o IESS, esta é a primeira vez, desde março de 2012, que as carteiras das operadoras de planos de saúde têm menos de 47 milhões de vínculos.

Segundo o superintendente executivo do IESS, José Cechin, a redução do número de beneficiários não está em desalinho com o que vem acontecendo no setor nos últimos anos. Cechin lembrou que, nos planos médico-hospitalares, o pico de queda foi sentido a partir de dezembro de 2014 e que 3 milhões de beneficiários deixaram os planos em 2015 e em 2016 – 1,5 milhão em cada ano, e mais um pouco em 2017.

“Foram mais de 3 milhões de perdas de vínculos de planos médico-hospitalares em 2015, 2016 e 2017. De então para cá, o setor veio andando de lado. Um momento sobe, um momento cai e fica oscilando em torno de 47,1 milhões e 47,2 milhões [de beneficiários]. Desta vez, oscilou para baixo”, disse Cechin.

Apesar disso, houve aumento de 2,2% na quantidade de vínculos com pessoas de 59 anos ou mais, o que equivale a 147,3 mil novos contratos, ressaltou.

Para Cechin, a redução de 0,3% registrada nos 12 meses findos em julho “é um pequeno soluço”, e a expectativa para o próximo resultado é de recuperação. Ele disse que tem sido assim nos últimos meses e que não acredita que isso tenha iniciado uma tendência de decréscimo do número de beneficiários.” É apenas uma oscilação circunstancial, conjuntural.”

Cechin lembrou que as empresas costumam oferecer planos de saúde a seus funcionários: dois terços dos planos médico-hospitalares são corporativos. “Se, nas empresas, há desemprego, as pessoas que tinham emprego perdem o plano”, lamentou. Segundo ele, isso explica a grande saída de beneficiários dos planos de saúde em 2015 e 2016.

Ele disse que, quando a economia voltar a crescer, as empresas terão melhores condições financeiras e vão contratar pessoal que terá planos de saúde.

Odontológicos

Em contrapartida à queda de vínculos nos planos médico-hospitalares, os que cobrem tratamentos odontológicos mantêm trajetória de crescimento. Quando o segmento teve início, com regulamentação a partir de 2000/2001, havia menos de 1 milhão de beneficiários, lembrou Cechin. Atualmente, esses planos detêm 24,96 milhões de beneficiários, e a tendência é de expansão.

“É tradição desse mercado crescer continuamente, mesmo na recessão e na crise”, disse Cechin, que atribuiu a expansão do setor odontológico à mensalidade paga, que é mais baixa que a de um plano médico, e as pessoas podem pagar. Ele acrescentou que muitas empresas que gostariam de oferecer um plano médico a seus funcionários ainda não têm porte, nem economicidade, renda e finanças para tal, e optam pelo odontológico, cujo tíquete é bem mais baixo.

O Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS) é uma entidade que promove e realiza estudos sobre saúde suplementar baseados em aspectos conceituais e técnicos que colaboram para a implementação de políticas e para a introdução de melhores práticas no setor brasileiro.



A matéria continua após a publicidade
Publicidade

Publicidade
Últimas noticias
Cidades, Economia

Preço do combustível sobe até 24% na região em um ano, aponta ANP

Foto: Arquivo/OVale
O diesel foi o combustível com a maior alta no Vale do Paraíba em um ano, segundo dados da …

1 hora atrás
Cidades, Emprego

Pat de São José dos Campos oferece 56 vagas de emprego nesta terça-feira

Foto: Divulgação
O PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador) de São José dos Campos disponibilizou nesta terça-feira (21) 56 vagas de …

1 hora atrás
Cidades, Destaque, Economia

Embraer concede licença remunerada a 16 mil funcionários que retornavam das férias coletivas

Foto: Divulgação/ Embraer
A Embraer concedeu uma licença remunerada aos 16 mil funcionários da empresa, nesta terça-feira (21), os funcionários retornavam …

34 minutos atrás
Cidades, Saúde

Caraguatatuba reforça vacinação contra febre amarela

Foto: Divulgação/PMC
A Prefeitura de Caraguatatuba, por meio da Secretaria de Saúde, oficializa o trabalho de reforço da vacinação contra a …

4 minutos atrás
Cidades, Educação

Ajustes para que escolas recebam AVCB poderá custar R$ 20,9 milhões em São José

Foto: Charles de Moura/PMSJC
O governo Felicio Ramuth (PSDB) prevê gastar até R$ 20,994 milhões para a realização de adequações que …

1 minuto atrás
Economia

Guedes conversa com ministros suíços e CEOs de empresas em Davos

Foto: José Cruz/Agência Brasil
Representante brasileiro no Fórum Econômico Mundial, evento que reúne líderes políticos e empresários em Davos, na Suíça, …

1 hora atrás
Cidades

Embraer inaugura sede em Eugênio de Melo

Foto: Divulgação
A Embraer inaugura nesta terça-feira (21) as novas instalações da unidade de Eugênio de Melo, distrito de São José …

1 hora atrás
Economia

Brasil é o quarto maior destino de investimentos no mundo em 2019

Foto: Freepik
Com a ajuda do programa de privatização de empresas federais, o Brasil subiu da sexta para a quarta posição …

2 horas atrás
Cidades, Destaque

Prefeitura de Jacareí descarta demissões na Santa Casa

Foto: Rogério Marques/arquivo OVALE
Após uma ata apontar que um estudo de demissões estaria sendo feito na Santa Casa, o governo …

2 horas atrás
Cidades

Dutra tem interdições durante a madrugada em São José e Jacareí

Foto: Divulgação
A rodovia Dutra vai realizar até o próximo domingo (26), obras de recuperação de pavimento da via Dutra no trecho …

18 horas atrás