Categoria: Cidades, Mais Economia

Justiça obriga Prefeitura de São José a cumprir regras de transparência durante pandemia

OVALE - Publicado em 24/06/2020, às 9:32 • Atualizado em 24/06/20, às 9:32




Justiça obriga Prefeitura de São José a cumprir regras de transparência durante pandemia

Foto: Divulgação

A Justiça determinou que a Prefeitura de São José dos Campos passe a cumprir integralmente as leis e diretrizes sobre transparência dos contratos emergenciais de enfrentamento à pandemia do coronavírus.

A decisão foi tomada nessa terça-feira (23) pela Laís Helena de Carvalho Scamilla Jardim, da 2ª Vara da Fazenda Pública, após ação popular movida contra o município por um morador – o comerciante Eduardo Sivinski.

A magistrada deu prazo de 10 dias para a Prefeitura comprovar o cumprimento integral das diretrizes estabelecidas na Lei de Acesso à Informação; nas previstas na lei sancionada em fevereiro pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que estabeleceu medidas de combate ao vírus; e nas definidas pelo TCU (Tribunal de Contas da União), especificamente para o enfrentamento da pandemia.

Em caso de descumprimento, o município poderá ser multado – o valor ainda não foi definido.

SEM TRANSPARÊNCIA

A decisão seguiu parecer do Ministério Público, que apontou que a prefeitura não divulga quatro dados importantes na página específica das despesas relacionadas à Covid-19: valor por unidade do item adquirido; descritivo, quantidade e tipo de bem ou serviço adquirido; íntegra do processo administrativo que antecedeu a contratação; e a íntegra do contrato.

Antes da decisão, o governo Felicio Ramuth (PSDB) chegou a alegar que o Portal da Transparência da Prefeitura “tem todas as informações disponíveis”, e que “a divulgação de dados relativos às compras e contratos realizados durante a pandemia do coronavírus” atende às diretrizes do TCE (Tribunal de Contas do Estado), da lei sancionada em fevereiro por Bolsonaro e da Lei de Licitações.

No entanto, na defesa à Justiça a gestão tucana reconheceu que parte dos dados citados pelo MP não estão disponíveis na página específica das despesas relacionadas à Covid-19.

Por exemplo: os contratos podem ser localizados apenas em outra área do Portal da Transparência. E os processos administrativos que antecederam as contratações não são disponibilizados em nenhuma parte do site da prefeitura: para consultá-los é preciso fazer uma solicitação eletrônica com base na Lei de Acesso à Informação – nesse caso, a administração tem prazo de 20 dias para responder. Já os preços unitários dos itens adquiridos eram divulgados pela Prefeitura no início, mas depois deixaram de ser publicados.

Para a magistrada, isso não é o suficiente. “De acordo com a lei, os dados mencionados devem estar disponíveis independentemente de requerimento ou pesquisa efetuada por parte do administrado [munícipe], ao contrário do sustentado pela requerida [Prefeitura]”, diz trecho da decisão.

“O integral cumprimento do aludido dispositivo não deve ser visto como uma simples formalidade. Ao contrário. Isso porque o princípio da publicidade garante aos administrados [munícipes] controlar a legitimidade das condutas dos agentes administrativos”, diz outro trecho do despacho.



A matéria continua após a publicidade
Publicidade

Deixe seu comentário:
Os comentários não representam a opinião da SP Rio +. A responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade:
Últimas noticias
Destaque, Economia

Fim do acordo com a Boeing é o principal motivo para prejuízo na Embraer, diz Sindicato

Foto: Divulgação
O Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, por meio de um estudo realizado pelo laese (Instituto Latino-Americano …

7 horas atrás
Economia

Bolsonaro defende privatizações e responsabilidade fiscal do Estado

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
O presidente Jair Bolsonaro defendeu hoje (12) a privatização de empresas públicas e disse que “os desafios …

9 horas atrás
Economia

Vendas no comércio varejista cresceram 8,0% em junho, diz IBGE

Foto: Tânia Rego/Agência Brasil
O comércio varejista cresceu 8,0% em junho na comparação com o mês anterior. A alta, na série …

12 horas atrás
Esporte, Saúde

CBF autoriza Atlético-GO a escalar atletas com teste covid-19 positivo

Foto: Heber Gomes/ACG
A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) acatou o recurso do Atlético-GO e liberou o clube para escalar quatro …

12 horas atrás
Economia

Caixa credita hoje auxílio emergencial para nascidos em julho

Foto: Marcello Camargo/Agência Brasil
A Caixa credita hoje (12) auxílio emergencial para quase 4 milhões de beneficiários nascidos em julho. São …

12 horas atrás
Cidades

Caminhão tomba na alça de acesso a viaduto na zona oeste de São José dos Campos

Um caminhão de grande porte tombou na alça de acesso do viaduto Pastor Liberato Colombani – próximo da Johnson & …

1 dia atrás
Cidades

Reforma do telhado do Mercadão de São José dos Campos deve ser concluída até o fim de agosto

Foto: Charles Moura/PMSJC
A Prefeitura de São José dos Campos informou nesta terça-feira (11) que a reforma do telhado do Mercado …

1 dia atrás
Cidades, Mais Destaques

Prefeitura de São José dos Campos pede a inclusão de taxistas nos aplicativos de transporte

O pedido foi feito à Prefeitura por um grupo de taxistas – Foto: PMSJC
A Prefeitura de São José dos Campos …

1 dia atrás
Cidades

Trabalhadoras da Blue Tech entram em greve por aumento do PLR

Foto: Sindicato dos Metalúrgicos
As trabalhadoras da Blue Tech, em Caçapava, entraram em greve nesta terça-feira (11) após rejeitarem a proposta …

1 dia atrás
Esporte

FPF define data para discutir a volta do Campeonato Paulista da Segunda Divisão

Foto: Fábio Moraes/Equipe futebol show
A Federação Paulista de Futebol (FPF) se reuniu na manhã desta terça-feira (11) com os clubes …

1 dia atrás