Categoria: Destaque, Política

PGR diz que Lava Jato não será prejudicada com saída de procuradores

O trabalho será feito por assessores e auxiliares sem prejuízo

Andre Richter/Agência Brasil Publicado em 28/06/2020, às 14:48 • Atualizado em 28/06/20, às 14:51




Foto: José Cruz/Agência Brasil

A Procuradoria-Geral da República (PGR) afirmou neste domingo (28) que as investigações da Operação Lava Jato conduzidas pelo órgão não serão prejudicadas pela saída de quatro procuradores que faziam parte do grupo de trabalho criado para atuar nos processos. 

De acordo com a PGR, estava previsto que os procuradores Hebert Reis Mesquita, Luana Macedo Vargas, Maria Clara Noleto e Victor Riccely deixariam seus cargos e retornariam para seus órgãos de origem no dia 30 de junho. 

Em nota à imprensa, a procuradoria disse que o número de processos da Lava Jato sob a condução da PGR diminuiu após a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que restringiu o foro privilegiado e enviou diversos casos para a primeira instância da Justiça. Dessa forma, o trabalho que antes era realizado pelos procuradores, que teriam deixado o cargo por discordâncias, será feito por assessores e membros auxiliares, sem prejuízo às investigações. 

“Os quatro procuradores integravam a equipe na gestão anterior [ex-procuradora Raquel Dodge]. Pediram desligamento e foram readmitidos na administração atual [Augusto Aras], a fim de auxiliar a coordenação da Lava Jato no Superior Tribunal de Justiça (STJ) e no Supremo Tribunal Federal (STF). Há cerca de um mês, uma das integrantes retornou à unidade onde está lotada e, na sexta-feira (26), outros três se desligaram, antecipando o retorno para as procuradorias da República nos municípios de origem, o que já estava previsto para ocorrer no próximo dia 30. Os profissionais continuarão prestando valorosos serviços às comunidades para onde retornarão”, diz a nota. 

A PGR também afirmou que “a Lava Jato não é um órgão autônomo e distinto do Ministério Público Federal (MPF)”. A colocação é feita após a força-tarefa da operação em Curitiba ter discordado de uma reunião na qual a subprocuradora-geral Lindôra Araújo, coordenadora da Lava Jato na PGR, solicitar informações sobre o atual estágio das investigações.

Para a procuradoria, o trâmite das ações da operação deve respeitar as regras internas do MPF. 

“A Lava Jato, com êxitos obtidos e reconhecidos pela sociedade, não é um órgão autônomo e distinto do Ministério Público Federal (MPF), mas sim uma frente de investigação que deve obedecer a todos os princípios e normas internos da instituição. Para ser órgão legalmente atuante, seria preciso integrar a estrutura e organização institucional estabelecidas na Lei Complementar 75 de 1993. Fora disso, a atuação passa para a ilegalidade, porque clandestina, torna-se perigoso instrumento de aparelhamento, com riscos ao dever de impessoalidade, e, assim, alheia aos controles e fiscalizações inerentes ao Estado de Direito e à República, com seus sistemas de freios e contrapesos”, declarou a PGR. 



A matéria continua após a publicidade
Publicidade

Deixe seu comentário:
Os comentários não representam a opinião da SP Rio +. A responsabilidade é do autor da mensagem.
Últimas noticias
Cidades, Saúde

Jacareí inicia cadastro para de castração de cães e gatos; inscrição pode ser feita por WhatsApp

Prefeitura já castrou cerca de seis mil animais desde 2018 – Foto: Divulgação/ PMJ
A Prefeitura de Jacareí divulgou, nesta quarta-feira …

3 horas atrás
Economia

PIB caiu 10,5% no trimestre encerrado em maio

Foto: José Paulo Lacerda/CNI
O Produto Interno Bruto (PIB), que é a soma de todos os bens e serviços produzidos no …

3 horas atrás
Economia, Emprego

Bayer abre 40 vagas de emprego em São José dos Campos

Foto: Divulgação
A Bayer anunciou nesta quarta-feira (15) a abertura de 40 vagas de emprego em São José dos Campos. A …

4 horas atrás
Cidades

Prefeitura de São José interdita viaduto do Jardim das Indústrias para realização de obras

Serviço na região será realizado das 8h às 13h – Foto: Charles de Moura/PMSJC
A Prefeitura de São José dos Campos …

5 horas atrás
Cidades

Obras em ciclovia interditam Anel Viário em São José dos Campos

Foto: Claudio Vieira/PMSJC
A Prefeitura de São José dos Campos iniciou nesta semana a etapa de concretagem das lajes da passarela …

5 horas atrás
Economia, Mais Destaques

Ilhabela autoriza o retorno de hotéis, bares e restaurantes

Comércio em Ilhabela. Foto: Divulgação
A Prefeitura de Ilhabela regulamentou o funcionamento de estabelecimentos como hotéis, pousadas, bares, restaurantes, salões de …

1 dia atrás
Cidades

Caraguatatuba volta a liberar gratuidade de idosos no transporte público

Foto: PMC
A Prefeitura de Caraguatatuba autorizou o retorno da gratuidade para idosos no transporte público do município. O decreto foi …

1 dia atrás
Esporte

Federação Paulista quer retorno da Série A-2 no dia 19 de agosto; data ainda depende da aprovação de Doria

Lance da partida entre Taubaté e XV de Piracicaba – Foto: Bruno Castilho/EC Taubaté
A FPF (Federação Paulista de Futebol) definiu …

1 dia atrás
Economia, Mais Destaques

Jacareí amplia horário de funcionamento dos comércios; abertura no fim de semana está vetada

Reabertura do comércio em Jacareí – Foto: Divulgação/PMJ
A Prefeitura de Jacareí publicou um decreto, nesta segunda-feira (13), em que amplia …

1 dia atrás
Cidades

Caraguatatuba notifica estabelecimentos que desrespeitam horário de funcionamento

Foto: PMC
Os fiscais da Prefeitura de Caraguatatuba lavraram, neste fim de semana, 22 notificações a estabelecimentos comerciais que desrespeitam a …

1 dia atrás